terça-feira, 27 de julho de 2010

Preciso falar...

Preciso falar de três assuntos que eu até poderia fazer um post pra cada um, mas como post pequeno não é comigo resolvi fazer um post com os três assuntos, mesmo por que se os três ficassem separados teríamos três "mini" posts, e eu não gosto de post pequeno.
Para começar vou falar de uma coisa que eu já falei akki no blog, mas que eu vou ter que comentar de novo, por que acreditem, ainda acontece comigo...Ainda tem gente que fica rotulando todo mundo por aí! Isso é muito feio!
Se tem uma coisa que me deixa triste, é ficar sabendo o quanto sou rotulada por aí. Não tem coisa pior, você descobrir que te acham metida, antipática, anti social, patricinha, entre outras coisas sendo que você não é nada disso! E normalmente quem comenta essas coisas são pessoas que nem me conhecem, então, como vocês sabem tudo isso? Posso concordar que pareço ser metida, mas as aparências enganam, e tenho certeza que se me conhecessem melhor não iriam ficar falando essas coisas por aí. Então antes de falar, xingar, me conheça e tire suas conclusões, se mesmo me conhecendo eu ainda for uma metida antipática pode sair falando, agora eu tenho certeza que se me conhecerem, vão ver que não sou nada disso.
Agora quero falar de outra coisa, os assuntos se misturam por que os dois tem haver com amizade. Primeiro, brigas estúpidas...Não vejo o motivo de brigas tão estúpidas que não levam a nada, eu já tive brigas assim e já perdi muita coisa, será que meu exemplo não é tão bm assim para v6 verem a burrada que estão fazendo? A injustiça que estão cometendo? A falta de maturidade que estão tendo? Pense bm se vai valer a pena continuar essa briga depois de tudo o que v6 já viveram, de todos os momentos juntos! Eu não faço parte do grupo de v6 e nem ao menos conheço v6 direito mas acho que conselho a gente dá pra quem precisa e acho que v6 estão precisando. Na minha opinião brigar por coisas mínimas é besteira.
E o terceiro assunto é uma coisa que chega ser até engraçada...Ciúmes de amiga...Tenho que confessar que esse assunto renderia um post bm grande mas como eu sou da paz e não quero brigar, resumi tudo o que eu tenho vontade de falar, e óbvio, sem citar nomes...Eu sou amiga de todo mundo, e não tenho dificuldade em fazer novas amizades. Agora, não acho "ciúmes de amiga" um motivo muito bm, para você me odiar, mas tanto faz, cada um tem sua cabeça, e pensa o que quer.
Aposto que muitas pessoas vão se identificar com pelo menos um desses assuntos!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Você é maior que tudo isso!

Não ouça o que os outros dizem, é tudo besteira. Você é você e nada mais importa. Não deixe com que as palavras que saem da boca de pessoas tão baixas e tão sujas, te façam infeliz e te façam se sentir tão inferior. Você é mais forte do que isso tudo, é mais forte que as palavras, que as ofensas, que as magoas, que a dor, é mais forte que tudo, basta você querer. Então, se valorize, dê valor para as pessoas que gostam de você, e não para aquelas que só querem te ver sofrer. Pense nos dias alegres e guarde somente essas lembranças. Se valorize, se respeite e não se abale por qualquer besteira. Ao contrário, fique feliz pelos momentos mais engraçados e divertidos, pq são esses que nunca se apagarão com o passar do tempo. As humilhações e as lembranças ruins se apagarão somente se você quiser, mas cada lágrima derramada por causa dessas lembraças tristes só fará com que elas fiquem dentro do seu coração, então, esqueça as lembranças tristes e não se abale por coisas tão pequenas, você é maior que isso.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Feliz Dia do Amigo!

Ter amigo é somar diversão, subtrair a tristeza, dividir a dor e multiplicar por infinito a nossa alegria.
Ser um amigo é um dom, ter um amigo é um presente de Deus.
Feliz Dia do Amigo!

domingo, 18 de julho de 2010

Vaidade...

O mais grave dos sete pecados capitais que muitas, eu repito, muitas mulheres e até homens cometem sem nenhuma culpa. Uma pessoa que é vaidose cria uma imagem de si mesma para ser admirada por outras pessoas. Essa pessoa mostra seus pontos positivos e esconde seus pontos negativos, tudo com o objetivo de ser e estar cada vez mais bonita.
Porém quando ser vaidoso é uma coisa saudável? Quando isso se torna algo perigoso? Temos que ser vaidosos? É necessário passar essa imagem de beleza para as outras pessoas?
Não há nada demais em ser uma pessoa vaidosa, pelo contrário isso só te ajuda. Estar e se sentir bonita melhora e muito a auto estima e a confiança das pessoas. Mas essa "felicidade" ou até essa "satisfação" com sua imagem pode se tornar caso sério dependendo das suas atitudes. Maquiagens, chapinhas, esmaltes, hidratantes, e outros produtos cosméticos que podemos e diria que devemos utilizar.
Agora, existem mulheres que encaram a mesa de cirurgia em busca da aprência perfeita, do corpo escupido, do rosto esticado...coisas que com o passar dos anos não importa o número de cirúrgias plásticas você faça não vai melhrar nada, só vai piorar e ao invés de passar uma imagem bela, vai passar uma imagem artificial.
Outro ponto em questão é a vaidade infantil. Muitas pessoas acham errado presentear as crianças com maquiagens por exemplo, pois falam que a criança começa a querer ser adulta e não aproveita a infância. Na minha opnião isso é ridículo, por que eu mesma cresci ganhando maquiangens e nem por isso não aproveitei minha infância. Criança é crinça acima de tudo, e não é um baton, ou uma sombra que vai fazer elas crescerem antes da hora. Vaidade é uma coisa boa sim, mas nada em exagero faz bm.

sábado, 17 de julho de 2010

SIM! ELES EXISTEM!

Os verdadeiros amigos! Este post é dedicado para:

• Rodrigo;
• Aline;
• Amanda Badrie;
• Karime; e
• Amanda Erreiro.

Hoje, dia 17 de julho de 2010 eu tive uma surpresa maravilhosa! Estava eu, sentada no sofá, comendo um pedaço de bolo quando o telefone toca...Meu pai atende e fala: "Bianca, o Rodrigo quer falar com vc." Na hora eu arregalei meus olhos e não acreditei no que ouvi, minha mãe deu um grito e falou: "Bianca eles estão lá na Disney, fala logo pq a ligação é cara!" Eu levantei do sofá dando gritos, nem sei onde foi parar meu bolo...Na hora que eu peguei o telefone e ouvi aquela barulheira gritei: "Rô!" E comecei a conversar...Ele disse que lá está muito legal, que eles tinham acabado de sair da Epcot, e que eles não podiam falar muito pq a ligação era cara Ele falou tb que o Emílio Surita e a Pepela jantaram na mesa com eles. Logo em seguida ele passa o telefone pra Aline, e eu começo a conversar com ela! Ela disse que comprou minha Miney, que tirou uma foto com o Federico, falou que está se divertindo e que está com saudades! Depois a vez de falar comigo foi da Karime...Eu fiquei com muita vontade de chorar, mas enquanto estava no telefone não chorei, aguentei firme! A primeira coisa que ela fala é: "Oi Bi" e eu: "Oi" e ela: "Vc tá chorando?" e eu: Não! Na mesma hora ouço alguams pessoas fazerem: "OUNNNNNNNNNNNN!" A Karime começou a falar várias coisas, a vontade de chorar aumentou, quase que deixei uma lágrima escorrer de tanta emoção, ela falou: "Estou com saudades, suas palhaçadas, suas piadas, mesmo que sejam estúpidas fazem falta, vc faz falta. Aliás, sua Miney é linda!" Minha vontade era parar de segurar o choro e colocar todas as emoções pra fora, queria chorar, queria chorar muito, estava emocionada! Depois a Amanda Badrie pega o telefone e fala: "Era pra vc estar akki com a gente! Estamos com muitas saudades mesmo! Só que agora a gente tem que desligar, vamos falar um tchau coletivo, não desliga!" e eu: "Tá bm!" Aí a emoção aumentou, foi quando eu ouvi todos dizerem: "Tchau!" Desliguei o telefone, e comecei a chorar no meu quarto, chorei muito, só pelo fato de que mesmo estando longe, se divertindo, lembraram de mim, e me ligaram...Eu amei a surpresa, amei mesmo! É bm saber que existem amigos que se preocupam com vc, que sentem sua falta, e que se lembram de vc nos momentos mais felizes da vida deles...Isso foi um resumo dá conversa que durou uns 5 minutos, mas mesmo assim, valeu a pena! Eu só não falei com a Amanda Erreiro, mas eu tb a amo e por isso dediquei o post pra ela tb. Eles podiam muito bm terem deixado pra lá e ir fazer alguma coisa no parque, mas não, eles pegaram o celular e me ligaram, e isso foi maravilhoso, foi inesplicável. Falar com eles no telefone hoje, foi muito emocionante e eu só queria agradecer a amizade deles agora, Obrigada por serem meus amigos, eu amo muito v6!

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Querido Quase Diário...

Preciso desabafar...Acho que já deu pra perceber que estou de TPM!
Estou com vontade de chorar, estou com vontade de gritar, de jogar tudo no chão com todas as minhas forças...Que horror!
Às vezes eu queria mudar meu jeito, queria ter menos defeitos e obter maiores qualidades, desenvolver minhas habilidades, me esforçar mais...Às vezes me acho um lixo, e me sinto muito triste por isso. Tudo culpa dessa tensão pré mestrual! Para que isso serve? Pra nada! A onde isso colabora? Não colabora em nada! Em absolutamente nada!
Deviam inventar um remédio contra TPM, assim teriam mais mulheres e mais homens felizes no mundo.
Às vezes me sinto sozinha, mas sei que não estou. Às vezes me sinto desprotegida, mas sei que estou protegida. Às vezes sinto medo, e esse medo só vai aumentando juntamente com a minha agonia. Às vezes me sinto uma pessoa fútil e inútil, mas sempre tem alguém pra me animar e me por pra cima. Às vezes me sinto uma pessoa sem nenhuma qualidade, sem nenhum dom...Mas o que me ajuda é saber que todos possuem um dom, basta descobri-lo. Eu já descobri o meu, pelo menos eu acho que sim.
Às vezes penso que ninguém gosta de mim...Mas sei que existem muitas pessoas que me amam. Às vezes queria ser homem para não passar por certas coisas que só mulheres sabem como é, como por exemplo uma cólica...Mas sei que essa não é a melhor saída. Às vezes penso o que seria de mim, sem esse "Quase Diário", que sempre que eu preciso venho e escrevo tudo o que eu sinto. Mas o que seria de mim sem meus amigos, minha família e todas as pessoas que eu amo e que eu quero perto de mim? Sem eles eu não seria nada.

sábado, 10 de julho de 2010

Ficar com os amigos...

Nem que seja por um dia, uma hora, ou um minuto é muito bm. Eles nos confortam, e com eles rimos, fofocamos, contamos quaisquer bobagem, mas sempre é divertido. E quando vamos a uma festa com eles? É muito melhor!
Festas + música alta + animação + amigos = a dia inesquecível!
Com eles até o passeio mais chato se torna divertido. Por isso que eu amo meus amigos.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

As críticas...

As críticas podem e devem ser usadas no nosso dia-a-dia, lógico que não podemos sair criticando todos que estão na nossa frente. Mas devemos fazer críticas contrutivas para que essas pessoas melhorem algum defeito por exemplo.
Mas existem também as críticas que na verdade são máscaras, para as ofensas. Criticar é uma coisa, ofender é outra totalmente diferente.
Quando você critica alguém é pro bm dela, é para que ela mude alguma coisa nela que vai fazer com que ela se torne uma pessoa melhor, para que ela mude algum defeito, alguma atitude, entre outros...Porém quando você ofende alguém, você só está ressaltando os defeitos de uma pessoa, e não está ajudando ninguém.
Você prefere criticar ou ofender? Pense no que você gostaria de ouvir. Preferia ouvir uma crítica construtiva ou uma ofensa?
Tem gente que ainda acha que ofender é a melhor opção, a ignorância dessas pessoas atrapalha nossa sociedade.

Crie, não copie!


Crie! Sinta sua imaginação fluir, seus desejos florescerem, suas vontades aparecerem, suas idéias surgirem...Nada melhor do ver algo que você mesmo fez. Feche os olhos pense em tudo que você quer, tudo o que você deseja e ponha em prática. Tenha idéias, faça inovações, crie e não copie!
Qual a graça de copiar algo? Qual a graça de ter tudo pronto nas suas mãos? Qual a graça de ter tudo igual ao de outra pessoa? Qual a graça de ser uma xerox, uma mera xerox que ninguém vai notar? Todos gostam dos criativos, e não dos invejosos. Pense, e repense. Faça tudo com as suas próprias idéias, com as suas vontades, com os seus desejos, como vc quer, e não como os outros fazem.
Nada melhor do que os elogios recebidos pelo seu trabalho. Faça por merecer!