segunda-feira, 23 de maio de 2011

Revisão de História E.V. do dia 24/05

Oláá, só para lembrar que aquele resuminho do biologia tá salvo aqui, posto antes da prova.
Esse resumo de história não é com as minhas palavras, é uma mistura do meu caderno, com a apostila, com o caderno da Natália Chagas, enfim.. tem umas partes que eu não entendi muito bem, então, aconselho a darem uma lida na apostila!
Então vamos lá!

REVISÃO:

→ FAMÍLIA REAL NO BRASIL:
• Diante dos acontecimentos a corte joanina transferiu-se para o Brasil, assim, os ingleses ganhavam um escape para o Bloqueio Continental passando a ter o controle dos mercados brasileiros, eliminando a intermediação da metrópole. O Brasil foi "excluído" e tornou-se a sede de todo o Império Português.
• Administração Joanina:
- Carta Régia: Abre os portos e acaba com o Pacto Colonial;
- Alvará de liberdade: Total liberdade de manufaturas;
- Aparato político: Cria parte da política, traz a imprensa, cria o Banco do Brasil, o Jardim Botânico, entre outras melhorias para o Brasil;
- Nobreza: Transferência de elite; e
- Títulos: Cria para ganhar dinheiro (Compra de títulos.).

→ INDEPENDÊNCIA DO BRASIL:
• Pacto colonial: Acaba e abre os portos e mercados brasileiros.
• Carestia e inflação: Faltava alimento e a inflação subiu.
• Portugal fica sem rei e deixa o governo nas mãos de uma ditadura inglesa.
• O Brasil passou a ser governado por D. Pedro na condição de regente, já que, D. João e todo o resto da família voltaram para Portugal. Medidas tomadas por D. Pedro fizeram que o Brasil ficasse subordinado a Portugal e sem autonomia, fora que, os benefícios feitos por D. João foram revogados. A população fez um "Marcha para a Independência" e queriam a volta de D. Pedro para Portugal.
• Dia do Fico: D. Pedro desobedeceu as ordens de seu pai, permanecendo no Brasil e alimentando um sintoma de ruptura definitiva.
• O rompimento político com Portugal foi oficializado em 7 de setembro, com quase nenhuma mudança na estrutura socioeconômica, o Brasil evoluía para uma monarquia imperial a frente do D. Pedro.

→ FORMAÇÃO DO ESTADO NACIONAL BRASILEIRO:
• Constituição de 1824: Simplificação da constituição da Mandioca.
PODER MODERADOR → MAIS IMPOSTOS
• O rei tem poder ilimitado, ou seja, é absoluto. (O rei de chamava Stefany e tinha um crossfox.. (8) CHEGA DE PIAIDINHA E VOLTEM AOS ESTUDOS! ASHAUSHAUHSUAHS)
• De acordo com a constituição, era mantido o regime monárquico, apoiado sobre o princípio da divisão de poderes:
- Executivo: Atribuído ao imperador e seu ministério;
- Legislativo: Exercido pela Assembléia Geral;
- Judiciário: Ao cargo do Supremo Tribunal de Justiça; e
- Poder Moderador: Era uma "inovação" e servia para manter a harmonia e o equilíbrio entre os outros poderes.

→ CRISE DO I REINADO:
• Noite das garrafadas: Conflitos de rua entre brasileiros e portugueses que resultou no rompimento definitivo entre o povo e o Imperador e mais adiante na própria abdicação de D. Pedro I.
• A abdicação aconteceu em 7 de abril, D. Pedro volta para Portugal e torna-se rei com o título de D. Pedro IV. Para trás fica seu filho D. Pedro de Alcântara que será criado por tutores. A abdicação ficou conhecida como "Jornada dos "Logrados" já que o povo e as tropas, instrumentos da elite rural, não tiveram nenhuma reivindicação atendida pelo novo governo que se instalava.

→ PERÍODO REGENCIAL:
• Regência Trina Provisória:
- Tentativa de equilíbrio político;
- Manteve a constituição de 1824;
- Lei Regencial (limitava os poderes dos regentes); e
- Correntes políticas:
- RESTAURADORES/JURUJUBAS: Amigos de D. Pedro I;
- MODERADOS/CHIMANGOS: Desejavam uma monarquia do tipo constitucional; e
- EXALTADOS/FARROUPILHAS: Queriam a criação de uma monarquia com autonomia para as províncias.
• Regência Trina Permanente:
- Criação da Guarda Nacional; e
- Promulgação do Código do Processo Criminal.

É isso gente! Mas se eu fosse vocês eu estudaria:
• O que foi a criação da Guarda Nacional?
• Partidos (regressista e progressista)
• Leis
• Motivos do enfraquecimento de D. Pedro I

Espero que tenha ajudado!

2 comentários:

  1. É tanta história, não? RsRs! Difícil seria fazer um resumo da história da gente! ;] legal!

    ResponderExcluir